Dores de alma

moça no sol
 

— A tristeza, o desespero e a ira foram sofrimentos de tua alma! Não podemos ver a alma. Mas os sofrimentos dela traspassam nosso corpo de carne e sangue."

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias 

Leia Mais

Confiança e convicção

Interior de cânions típicos do deserto

 
"'Moisés escuta: o povo te acreditará, se tua própria fé for invencível’, disse o príncipe serenamente. ‘Dúvidas e medo são acompanhantes perigosos. Põe, em lugar deles, a confiança e a convicção, então terás aliados poderosos! Quem tiver de cumprir uma missão, a esse abrem-se concomitantemente as fontes da força e do saber!'"

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias

Leia Mais

Reconhecimentos

Beija flor pairando no ar

“Um verdadeiro sábio haure forças do sofrimento e das decepções, que o conduzem a novos e mais elevados reconhecimentos. Nunca se deixará deprimir tanto, que venha a cair.”

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias
Leia Mais

Era uma vez em Sabá - quinta história

 
“Um intenso perfume de rosas brancas a conduzia...”. Assim os mensageiros da felicidade uniram a rainha de Sabá, Biltis, ao seu grande amor – essa força para a qual não se conhece, até hoje, palavras exatas para descrevê-la!

Na memória do povo sabeu, essa bela história de amor foi lembrada durante longos tempos.
Leia Mais

Causas

Imagem de detalhes de pés de rosas e suas pétalas

"— Os sofrimentos têm muitas causas. Às vezes são efeitos retroativos de vidas terrenas passadas… No que se refere aos sofrimentos de amor, nada de diferente é de se esperar. O que não se esconde atrás da palavra 'amor'! Quem quiser permanecer livre de sofrimentos, terá de evitar, pois, as causas que conduzem a isto, disse Petosiris sorrindo."

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias 

*Crédito da foto: Graciela Dias

Leia Mais

Hora do universo

Ampulheta na areia

“‘Sublime e misteriosa Esfinge, dize-me: Qual é a hora que o relógio do Universo anuncia?’

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias

Leia Mais

Luminosa e radiante

Imagem de duas meninas de vestido em campo dourado com montanha ao fundo


— ‘Luminosa e radiante seja a vestimenta de teu espírito!’

— Uma sentença muito instrutiva, disse Petosiris, que nesse ínterim também acabara de comer.

— A vestimenta significa ‘alma’ – e a alma sempre terá de ser luminosa e radiante, acrescentou Biltis, esclarecendo.

Os egípcios olharam-na com interesse. O que sabiam essas crianças sobre alma?…”

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias

Leia Mais

Pulsar

Pintura de flores e fruta

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias

Leia Mais