Valorizar

janeiro 29, 2013


Sibélia Zanon

Mesmo que tenhamos pressa, uma borboleta não pode sair mais cedo do seu casulo. O seu processo de amadurecimento precisa acontecer lá dentro, para depois ganhar os ares. Da mesma forma, não adianta querer que as condições de vida se modifiquem e melhorem sem que ocorra um amadurecimento interno em cada participante desta história e que isso se concretize, de alguma forma, externamente. Para acontecer a mudança é preciso que cada um desperte a sensibilidade que habita o seu interior, elevando, consequentemente, a sua capacidade de valorizar as pequenas e grandes coisas que o cercam. Valorizar, respeitar e prezar são passos decisivos para podermos ver lá fora mudanças que precisam começar aqui dentro.




“Eu gostaria que a vida não fosse banal, mas sim sagrada,
Eu gostaria que os dias fossem como séculos, cheios, perfumados.” 
Ralph Waldo Emerson




Leia Também

Os guardiões

julho 13, 2024


"
Sempre um de nós acompanha agora as crianças que hoje já estão com mais de dez anos’, explicou Gauê, 'e que, para a sua idade, já enfrentam a vida de modo muito independente. Permanecemos, logicamente, sempre invisíveis. Contudo, as crianças sabem, geralmente quando percorrem longas distâncias, que nós nos encontramos nas proximidades. Todas elas têm pequenas cornetas, com as quais podem nos chamar ao necessitarem de alguma informação.'"

Roselis von Sass, O Nascimento da Terra
Leia Mais
O Amor é um presente

julho 09, 2024

Leia Mais
Degraus

julho 06, 2024


“...as pirâmides das Américas do Sul e Central não possuíam pontas, mas sim grandes plataformas onde eram erigidos templos. Cada degrau representava uma fase do desenvolvimento na vida humana que tinha de ser vivenciada plena e integralmente. A subida, muitas vezes, era penosa. Contudo, sem esforços, jamais se poderia alcançar um elevado alvo espiritual.

Roselis von Sass, A Verdade sobre os Incas
Leia Mais