Conhecimentos

novembro 26, 2020

Imagem telescópio
“Com razão podemos vangloriar-nos e ficar orgulhosos das conquistas da técnica! Até mesmo o espaço foi dominado pela inteligência humana!

Mas com tais considerações estamos esquecendo, com demasiada facilidade, que há muitos milênios viviam seres humanos que já possuíam conhecimentos astronômicos que a nós somente se tornaram acessíveis com a invenção da luneta e do telescópio. E também as construções gigantescas levantadas pelos seres humanos! Obras que mesmo hoje, com todos os meios técnicos à nossa disposição, dificilmente poderiam ser levantadas.

Basta pensar nas monumentais arquiteturas em pedra dos toltecas e maias, e nas ruínas dos palácios dos incas na região de Tiahuanaco. Os muros desses palácios consistem, em parte, em blocos de pedra que pesam cem toneladas, e que tinham de ser transportados de uma distância de cinco quilômetros. A região de Tiahuanaco situa-se numa altitude de 4.000 metros, a 21 quilômetros ao sul do lago Titicaca. Os arqueólogos ficaram perplexos diante de muros cujos enormes blocos de pedra estavam tão exatamente cortados e ajustados que, mesmo hoje, depois de milênios, não é possível enfiar a ponta de uma faca nas juntas.”



Leia Também

Confiança e convicção

janeiro 19, 2021

Interior de cânions típicos do deserto

 
"'Moisés escuta: o povo te acreditará, se tua própria fé for invencível’, disse o príncipe serenamente. ‘Dúvidas e medo são acompanhantes perigosos. Põe, em lugar deles, a confiança e a convicção, então terás aliados poderosos! Quem tiver de cumprir uma missão, a esse abrem-se concomitantemente as fontes da força e do saber!'"

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias

Leia Mais
Lições de aranha

janeiro 16, 2021

Gotas de orvalho formando uma teia

A pequena aranha tece, com zelo de artesã, ponto por ponto sua teia. Lança os fios translúcidos de um extremo a outro, trabalhando por horas e horas até obter um magnífico resultado. Sob a luz do sol, vislumbra-se a perfeição da obra desse minúsculo ser. Mas eis que virá o vento, a chuva ou um passante desatento, para pôr fim à completude da obra, destruindo a teia. Como reagirá, então, a aranha?

Leia Mais
Reconhecimentos

janeiro 14, 2021

Beija flor pairando no ar

“Um verdadeiro sábio haure forças do sofrimento e das decepções, que o conduzem a novos e mais elevados reconhecimentos. Nunca se deixará deprimir tanto, que venha a cair.”

Roselis von Sass, Sabá, o País das Mil Fragrâncias
Leia Mais