Equilibrar as ideias

outubro 22, 2019

Equilibrar as ideias

Organizar, em essência, deveria ter como objetivo restaurar o equilíbrio entre as pessoas, seus pertences e a casa onde moram”, diz a especialista em organização Marie Kondo. Como é bom sentir-se acolhido no próprio ambiente! É certo que cada um tem suas necessidades e limites em relação à organização, mas todos podemos cultivar um espaço de aconchego, que abastece a alma com novas energias.

Libertar-se de objetos que não fazem mais sentido parece abrir novos espaços, não apenas no armário, mas também internamente. Há quem diga que organizar um cômodo cria a sensação de calma e controle. A ideia é interessante; contudo, o excesso também pode se converter em prisão: você é dono do espaço ou ele é quem dita as normas? Perder-se das coisas mais relevantes por ficar fixado na posição dos objetos, no minimalismo, ou em quaisquer outras tendências, pode trazer peso em vez de gerar uma leveza.

“— Já pensaste, Jean, que todas as riquezas amontoadas por um ser humano terão, por fim, de ficar na Terra? Saímos da Terra da mesma forma como viemos. Sem nada. Completamente nus. Tobias olhou pensativamente para dentro de seu copo de vinho. A vida humana era, pois, um mistério incompreensível.”

Roselis von Sass, África e seus Mistérios


Leia Também

Construção e conservação

outubro 19, 2021

Postal com ilustração de ave e frase da Mensagem do Graal de Abdruschin


Abdruschin, Na Luz da Verdade - Mensagem do Graal

Leia Mais
Flores da Aurora

outubro 16, 2021

Foto de flores da cor de rosa de vitória regia, em contraste com o verde claro da vegetação.

“Não havia nada que superasse a beleza das flores da aurora, que mais tarde foram chamadas também de jardins suspensos. Com razão foram denominadas uma das maravilhas do mundo.”

Roselis Von Sass, A Desconhecida Babilônia

Leia Mais
A Terceira Mensagem de Fátima

outubro 13, 2021

Gruta

"Seis vezes apareceu a emissária da misericórdia na gruta. Durante esse tempo Lúcia recebia a mensagem que deveria retransmitir aos seres humanos. No dia treze de outubro a senhora apareceu pela última vez. Nesse dia se despediu sorridente das crianças. Quando mais uma vez se dirigiu a Lúcia, disse:
'Nunca tenhas medo dos seres humanos. Transmite exatamente a mensagem que ouviste.'"
 
Roselis von Sass, O Livro do Juízo Final
Leia Mais