Colheita do mel

outubro 03, 2019

Abelha Jataí
 
“Com cinco anos de idade as próprias crianças já trançavam as bolsas que carregavam em suas excursões… Além das bolsas e das canecas de ouro para beber, faziam parte de seus equipamentos pequenas faquinhas de ouro com cabos de madeira e pequenos cântaros com gargalo estreito. Eram chamados cântaros de mel. Naquele tempo existiam, naquelas regiões, diversas espécies de abelhas que preparavam um mel quase líquido. Todas essas abelhas não tinham ferrão, de modo que colher mel era muito fácil para as crianças.”
 
Roselis von Sass, A Verdade sobre os Incas
 


Leia Também

À espera de Óstara

abril 09, 2020

Ninho de pássaros com ovos pintados de vermelho dentro
"Assim que era anunciada a chegada de Óstara, iniciava-se uma intensa atividade entre os seres humanos. Casas, quintais e estábulos eram limpos, e tudo o que era inútil e velho era queimado… As mulheres preparavam ninhos nas hortas e nos campos, colocando neles ovos pintados de vermelho. Com isso esperavam ardentemente que a deusa os visse e os abençoasse…”

Roselis von Sass, O Livro do Juízo Final
Leia Mais
Paisagem do mundo

abril 07, 2020

Ilustração de pinhão com frase: "Tudo o que vibra do interior — os pensamentos em que se investe, a forma como se usa o tempo, as palavras pronunciadas —  são sementes que desenham a paisagem do mundo." Espiando pela Fresta - Sibélia Zanon 


Sibélia Zanon, Espiando pela Fresta

Leia Mais
Força curativa

abril 04, 2020

Galho repleto de flores rosadas com folhagem verde

 
"Agradecemos nossa existência a uma força e a um amor que tudo abrange. Um amor que nos incandesce já desde eternidades, nos ilumina e soergue! Ele encerra em si o reino celestial! Por isso também jaz no amor a maior força curativa que conhecemos!”

Roselis von Sass, A Verdade sobre os Incas

Leia Mais